Sir Nicholas Winton, o “Schindler britânico”, que salvou 669 crianças de campos de concentração

Imagem: Li-sung [CC BY-SA 3.0], via Wikimedia Commons

No dia 19 de maio de 1909, nasceu em Hampstead, Londres, Sir Nicholas Winton, que ficou conhecido como “Schindler britânico” por salvar 669 crianças, em sua maioria judias, dos campos de concentração nazistas na antiga Checoslováquia, em 1939, antes do início da Segunda Guerra Mundial. Aos 106 anos, o ativista leva uma vida simples em Pinkneys Green, no Reino Unido.
Seus feitos heroicos só vieram a público na década de 1980, quando sua esposa, Greta, encontrou uma pasta no sótão de sua casa com uma lista de crianças salvas e cartas aos pais delas. Condecorado com as principais honrarias tchecas e britânicas, entre elas a Ordem do Leão Branco, maior honraria da República Tcheca em 2014, e elevado ao posto de cavaleiro pela rainha Elizabeth II, em 2002, na Grã Bretanha, Sir Winton não se considera um herói. Seus atos humanitários renderam também uma homenagem do casal de astrônomos checos Jana Tichá e Miloš Tichý que nomearam o asteroide 19384 em sua honra.

SE UMA COISA NÃO É IMPOSSÍVEL, DEVE HAVER UMA FORMA DE FAZÊ-LA.SIR NICHOLAS WINTON

Filho de alemães judeus que haviam se mudado para a Inglaterra, Nicholas Winton trabalhava como corretor na Bolsa de Valores de Londres. Seu destino começou a mudar antes do Natal de 1938, quando foi visitar um amigo, Martin Blake, que prestava trabalhos humanitários aos judeus, em Praga, então ocupada pelos nazistas.

Pouco depois, Winton criou sua própria organização para ajudar crianças judias e entrou em contato com a Refugee Children's Movement (RCM), em Londres, para conseguir alojamento e a quantia de dinheiro que o governo britânico requisitava como garantia para aprovar a entrada de refugiados perseguidos pelo nazismo.

Durante nove meses, ele ajudou a evacuar 669 crianças, por trem, dePraga para Londres. Entre elas estava Karel Reisz, que se tornaria uma renomada diretora de filmes, autora do premiado "The French Lieutenant's Woman". Hoje, acredita-se que existam mais de 5 mil das chamadas "crianças de Winton", que seriam descendentes das crianças salvas por ele durante a Segunda Guerra.

Fonte: MyHistory

Hot da semana

Dica de filme: Coerência (Coherence) - O que há de quântico em um jantar entre amigos?

Top 10 Países Mais Racistas do Mundo

10 Histórias de Navios Fantasmas

Dossiê: Noite Oficial dos OVNIs - 19 de Maio de 1986

O estranho e inexplicável fenômeno da chuva de pedras