Neblina é detectada em cratera de Ceres, no mesmo local das luzes misteriosas

Luzes de Ceres vistas de lado.

Lembra das misteriosas luzes de Ceres, o planeta anão situado no Cinturão de Asteroides, entre Marte e Júpiter? Pois agora há um fato novo sobre este intrigante fenômeno, e a NASA ainda não chegou à uma determinação conclusiva sobre este mistério. Veja:

Se você ainda não votou sobre o que acha que está causando aquelas misteriosas luzes brilhantes no planeta anão Ceres, você pode querer esperar um pouco mais. As últimas fotos tiradas pela sonda Dawn, que está orbitando Ceres, mostram uma misteriosa neblina cobrindo uma das manchas maiores e mais brilhantes e várias outras menores nas proximidades. O que poderia estar causando isto?
Christopher Russell, um cientista planetário da UCLA e principal investigador do projeto Dawn, anunciou a descoberta sobre a neblina numa reunião no Centro de Pesquisa Ames da NASA, em 21 de julho passado. Ela é somente vista na cratera Occator, que contém a famosa Mancha 5. Embora a neblina cubra metade da cratera, ela não foi relatada antes, devido à dificuldade de enxergá-la, disse Russell.
Ao meio-dia (no planetóide), se você olhar em determinado ângulo, você pode ver o que parece ser uma neblina. Ela retorna num padrão regular.
Se você votou no site da NASA que as luzes são minérios ou sais refletivos, esta descoberta pode forçá-lo a reconsiderar seu voto. As manchas podem ser gelo e a neblina pode ser vapor d’água criado por sublimação – o processo de conversão de sólido para gás, ao pular a fase líquida. Se isto for verdade, Ceres seria o primeiro corpo no cinturão de asteroides a apresentar tal neblina. Isto também confirmaria uma detecção anterior, porém não confirmada, pelo Observatório Espacial Herschel sobre vapor d’água em Ceres. Já que a neblina parece ser estacionária, isto pode significar a existência de algum tipo de atmosfera retida pela gravidade de Ceres, e não uma nuvem de vapor ou jato de gás de curta duração.
Seja lá o que a neblina for, temos que esperar até que Dawn se desloque para sua próxima órbita a 1448 quilômetros acima de Ceres, no próximo mês, para termos maiores informações.

Pelo que nos consta, a NASA não publicou fotos da neblina.
E só para colocar gasolina na fogueira: Já pensou se esta neblina estiver sendo causada por algum tipo de processo de mineração?
Claro que não. Este tipo de declaração sem embasamento é somente a imaginação de uma mente fértil e ‘conspiranóica’… como a minha.

Fonte: mysteriousuniverse.org / Via: OVIN HOJE!

Hot da semana

Dica de filme: Coerência (Coherence) - O que há de quântico em um jantar entre amigos?

Nostradamus Profecias para 2015 - 2020. Anticristo e Invasão Alienígena

Top 10 Países Mais Racistas do Mundo

Grady Franklin Stiles Jr. - O Lagosta Assassina

O estranho e inexplicável fenômeno da chuva de pedras